Em uma viagem a Portugal eu entrevistei a ativista Rita Silva sobre uma questão polêmica em seu país: a tourada.

Por muitos considerada uma tradição, situação parecida com a que enfrentamos aqui no Brasil com as vaquejadas, a tourada é combatida arduamente pelos defensores dos animais, por se tratar de uma atividade extremamente violenta para os bois, os espectadores, os toureiros e todos os envolvidos.

Continue lendo

A partir de uma decisão do Supremo Tribunal Federal a vaquejada finalmente passou a ser considerada maus-tratos aos animais na Constituição Brasileira.

No episódio de hoje entrevistamos a presidente da Comissão de Proteção e Defesa Animal da OAB SP, Maíra Pereira Vélez, e a veterinária Vania Nunes. Assista e saiba o que significa a decisão do STF, como denunciar a prática de vaquejada e o que mudará se for aprovado o PLC 24/2016 – que quer transformar rodeios e vaquejadas em patrimônio cultural do país.

Continue lendo

No dia do aniversário de 3 anos de libertação dos beagles do Instituto Royal, a nossa convidada é a maquiadora e blogueira vegana Nicole Gonçalves.

Conversamos sobre testes em animais, marcas que testam (e não testam), a diferença entre cruelty free X vegan e muito mais.

Para maiores informações sobre testes em animais clique aqui. 

Assista ao documentário Não Matarás: os animais e os homens nos bastidores da ciência 

O canal Amiga do Esquisito festejou junto aos beagles resgatados do Instituto Royal – laboratório que realiza experimentos com animais.

O Esquisito passou a tarde brincando e comendo bolo com esses cachorros que há três anos descobriram o que é ser livre e feliz.

Continue lendo

Na semana do Dia das Crianças, eu e o Esquisito apresentamos um especial com picnic e um bate papo com mães veganas e seus filhos. Elas contam como é criar bebês veganos e suas motivações para adotar esta filosofia de vida.

Com as participações de Carol Rodrigues, Sheila Donato, Súlivam Sena e Kau Murua (todas com seus veganinhos, claro).

Continue lendo

Eu e o Esquisito acabamos de lançar o nosso canal no Youtube. Serão 12 episódios nessa primeira temporada e todos, claro, relacionados à causa animal. Falaremos sobre denúncia de maus-tratos, veganismo na infância, touradas, moda vegana, adoção e muito mais!

No primeiro programa abordamos a questão da comercialização de animais e mostramos o motivo de sermos contra a compra e venda de cães e gatos. Confira entrevista exclusiva com a ativista Luisa Mell e a adotante do Pelúcia, um cachorrinho idoso que encontrou uma nova família.

Continue lendo

 

photo (6)

Projeção do palco no final da música Meat is Murder

“Filho da puta. Você tá morrendo. É pra você fazer música e não apologia. Seu filho da puta”, gritava um homem da plateia enquanto Morrissey cantava uma das mais importantes e icônicas músicas dos The Smiths: MEAT IS MURDER (Carne é Assassinato).

Continue lendo

Beagles comemoram 2 anos de liberdade em São Paulo.

Hoje teve festa de comemoração dos 2 anos de libertação dos beagles que foram explorados pelo laboratório Instituto Royal.

O dia 18 de outubro ficará gravado para sempre na história como uma das maiores conquistas dos direitos animais no Brasil. Nesta data, no ano de 2013,  178 cães foram libertados de dentro do Instituto Royal, em São Roque (SP).

Continue lendo

9

La Collina dei Conigli, uma ONG de proteção animal, criou uma maneira lúdica e maravilhosa para conscientizar as pessoas a respeito da situação dos animais de laboratório. A organização, cujo nome se traduz como “A Colina do Coelho”, está comemorando seu décimo aniversário. Attilia Conti, um voluntário do local, teve a idéia para a sessão de fotos depois de perceber que tanto o resgate quanto a Alice no País das Maravilhas começam com um único coelho, branco. Com a ajuda da fotógrafa, Rachele Totaro, e outros voluntários, o conjunto foi encenado e estes antigos animais de laboratório se tornaram modelos.

Continue lendo

Charge: “Eu tenho um sonho”, Autor: Charbonnier, Bernard (Tignous)

Charge: “Eu tenho um sonho”, Autor: Bernard (Tignous)

O mundo todo recebeu com grande tristeza as duras notícias vindas da França, quando no último 7 de janeiro atiradores invadiram a sede do jornal Charlie Hebdo em Paris, deixando 12 mortos, entre eles, os cartunistas John Cabut (Cabu), Stéphane Charbonnier (Charb), Bernard (Tignous) e Georges Wolinski, 4 grandes ativistas e colaboradores da causa animal.

Continue lendo