“Filho da puta. Você tá morrendo. É pra você fazer música e não apologia. Seu filho da puta”, gritava um homem da plateia enquanto Morrissey cantava uma das mais importantes e icônicas músicas dos The Smiths: MEAT IS MURDER (Carne é Assassinato). Anúncios

“Não pode fazer outro tipo de festa onde não se sirva carne?” pergunta Lisa, de apenas oito anos, ao seu pai prestes a fazer um churrasco em casa. Homer empolgado responde: “mas as pessoas normais adoram carne. Eu quero que as pessoas fiquem impressionadas. Não se conquistam amigos com salada.”

“(…) Dez mil espécies desaparecem do planeta a cada ano devido à ação de UMA. (…) George Bush estava errado: o eixo do mal não atravessa o Irã, Iraque ou Coréia do Norte. Atravessa nossas mesas. Armas de destruição em massa são nossas facas e garfos” As palavras acima são de Philip Wollen, ex vice-presidente …

Continue lendo